X oferta imperdivel SAIBA MAIS
Depressão no Brasil merece atenção por atingir 12 milhões de pessoas | Vida Elite

Depressão no Brasil merece atenção por atingir 12 milhões de pessoas | Vida Elite

Vida Elite | 10/02/2021 | Depressão & Ansiedade

A depressão no brasil foi ainda mais crescente durante o surto de COVID-19. Além do novo vírus, o aumento dos problemas relacionados à saúde mental também esteve e continua em pauta.

Isso por que a depressão é causada por diversos fatores, como genéticos, ambientais, psicológicos e biológicos. Mesmo se tratando de um transtorno comum, é sério e costuma prejudicar a vida diária de quem tem, como:

  • Dificuldades para dormir
  • Problemas com os relacionamentos
  • Dificuldade para estudar e trabalhar
  • Falta de apetite 
  • Desânimo e indisposição constante

Segundo a OPAS, pesquisas genéticas mostram que o risco de depressão é resultado da influência de diversos genes que atuam em conjunto com fatores psicológicos, ambientais e biológicos.

Contudo, a doença também ocorre mesmo em pessoas que não tem o histórico familiar da doença, além disso a depressão se manifesta de forma diferente em cada um, podendo variar os sintomas.

Dificuldade para quem sofre com depressão no brasil 

  • Falta de Deus
  • Frescura
  • Não tem o que fazer

Você sabia que menos da metade das pessoas com depressão no mundo recebem um tratamento adequado para combater a doença?

Os motivos da ausência de um tratamento eficaz são:

  • Falta de recurso
  • Estigma social referente aos transtornos mentais (alguns citados acima)
  • Falta de profissionais treinados
  • Avalições imprecisas

Em alguns países, menos de 10% das pessoas que sofrem de depressão recebem um tratamento adequado. Independente do nível de riqueza, em muitos locais no mundo a depressão não é diagnosticada corretamente.

Para piorar, pessoas que não sofrem com o transtorno são diagnosticadas de forma incorreta acompanhadas de tratamentos desnecessários.

depressão-no-brasil-aumenta-durante-quarentena

Aumento da depressão no brasil na quarentena 

A Universidade de São Paulo (USP) realizou uma pesquisa em 11 países, e segundo resultados o Brasil lidera o raking nos casos de ansiedade e depressão durante a pandemia do coronavírus.

Provavelmente tal fato que afetou tanto a saúde mental dos brasileiros diz respeito ao:

  • Isolamento social da Covid-19
  • Restrições durante pandemia 
  • Dificuldades financeiras
  • Perdas 

Tanto que jovens, mulheres e pessoas com histórico de transtornos mentais foram os mais afetados em relação a ansiedade e depressão, pois essas foram as pessoas que mais relataram os sintomas dos distúrbios durante o isolamento.

Outro ponto que prejudicou bastante os brasileiros motivados pela pandemia com certeza foi a diminuição das atividades físicas motivadas pela insegurança da visitação aos parques durante a pandemia.

Isso restringiu as pessoas de praticarem atividades físicas, atitude errada, pois os exercícios físicos auxiliam no combate a depressão.

Espertas foram aquelas pessoas que adaptaram as suas rotinas de treino em casa e melhoraram sua alimentação para receberem todas as vitaminas que o corpo precisa à favor da imunidade.

Venda de remédios para ansiedade e depressão no Brasil cresceu 20% em 2020

Antes da pandemia no Brasil, todos os meses mostravam queda no consumo de remédios para ansiedade e depressão no brasil, porém em março tudo mudou!

Com a chegada do vírus, o avanço da prescrição desses remédios foi de 4,8%.

Ainda, uma pesquisa da ePharma mostra que 17.445 unidades desses remédios foram prescritas e vendidas no final do ano, especificamente em novembro e dezembro de 2020.

Fato que acarretou no crescimento de 19,6% no volume de medicamentos prescritos contra ansiedade, insônia e depressão no brasil nos últimos 2 meses de 2020.

O brasileiro também é esperto e também se atentou as alternativas naturais, que ainda imperam em muitas partes do mundo.

Ou seja, entre janeiro e agosto de 2020 o consumo de vitamínicos cresceu 30% no país, fazendo com que as pessoas complementem sua alimentação e se sintam melhor tanto quanto a depressão, tanto quanto a saúde no geral.

Dados índice de depressão no brasil 2020

Infelizmente pelo visto a depressão no Brasil só cresce e tristeza, choro e desânimo tem feito parte da vida do brasileiro que possui a doença, juntamente com a ansiedade.

  • 5,8 dos brasileiros sofrem de depressão, segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde). 
  • A depressão é doença psiquiátrica com maior prevalência no Brasil e essa é maior taxa da América Latina e nas Américas, o Brasil fica atrás dos Estados Unidos apenas.
  • Já com ansiedade, 9,3% dos brasileiros, aproximadamente 19,5 milhões de pessoas sofrem com o problema, fazendo com que a doença lidere o 1° lugar do ranking dos países mais ansiosos do mundo.
  • Suicídio também é uma recorrência, ficando em 3° lugar dos fatores externos que mais matam no brasil em 2017, segundo o Ministério da Saúde.

Principais sintomas depressivos

Só quem tem depressão, sabe o que passa!

Contudo, o nível de um quadro depressivo depende da intensidade dos sintomas, podendo ser considerado leve, moderado ou grave. Uma pessoa que sofre com a depressão considerada leve apresenta dificuldade de socialização e em realizar atividades simples, mas sem total paralização dos afazeres.

Já o depressivo que sofre com o quadro grave geralmente tende a parar de socializar com as pessoas, pode chegar a abandonar o trabalho e parar de realizar as atividades domésticas.

A alguns dias vi um relato assim:

“ Estou passando fome em casa, tenho dinheiro para comprar as coisas, mas não tenho vontade de fazer nada, muito menos comida “

Além desses tipos de depressão, algumas pessoas tendem a apresentar episódios de mania e outras não.

Transtorno depressivo recorrente

Com esse distúrbio, a depressão se torna companheira da pessoa envolvendo repetidos episódios depressivos. Onde os principais sintomas são:

  • Perda de interesse e prazer
  • Humor deprimido
  • Cansaço e indisposição
  • Ansiedade e ataques de pânico
  • Problemas para dormir
  • Falta de objetivos e concentração

Transtorno afetivo bipolar

Você muda de humor toda hora ou conhece alguém assim?

Pois bem, esse é um dos sintomas desse tipo de depressão, a alternância entre episódios de depressão, episódios de mania e humor normal.

Os sintomas dos episódios de mania:

  • Humor irritado e exaltado
  • Pressão na fala
  • Autoestima inflada
  • Pensamento acelerado
  • Euforia
  • Pouco sono

Combate a depressão no brasil

O fundamental que todos precisam saber para ter a motivação suficiente para combater a depressão é o entendimento de que o Brasil alcança aproximadamente 16 milhões de brasileiros que vivem com o distúrbio. Portanto, o Brasil é o país mais depressivo da américa latina, de acordo com dados do IBGE

Outro ponto importante que destaca a importância de combater a depressão no Brasil é a forte tendência suicida que compõe o nosso país.

Infelizmente o Brasil registrou entre 2006 e 2015 o aumento de 24% na quantidade de suicídios por jovens de 10 a 19 anos, segundo a Associação Brasileira de Familiares, Amigos e Portadores de Transtornos Afetivos (ABRATA). Um dado que representa a gravidade do assunto sobre o combate ao aumento da depressão entre os jovens no brasil.

  • SUS oferece assistência integral para o combate a depressão no Brasil por meios das 43 mil unidades de Saúde da Família (USF) distribuídas por todo o país.
  • O Capes (um centro de Atenção Psicossocial) é composto de 2954 unidades e já realizaram mais de 3,3 de atendimentos gerais. 
  • Raps (Rede de Atenção Psicossocial) apoia o Capes nos cuidados aos trantornos mentais.

Como Acabar com a Depressão em 9 passos

Simplificamos para vocês 9 formas de acabar com a depressão que você precisa agregar em sua vida hoje e obter resultados incríveis que vão contribuir extremamente com as recomendações do seu médico.

Como sair da depressão com 9 passos

Referências

https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2019/10/10/dia-mundial-da-saude-mental-brasil-lidera-ranking-de-depressao-e-ansiedade.html

https://www.paho.org/pt/topicos/depressao

https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/com-mais-de-12-milh%C3%B5es-de-doentes-brasil-%C3%A9-o-pa%C3%ADs-mais-deprimido-da-am%C3%A9rica-latina-aponta-oms-1.738504